Username:

Password:

Fargot Password? / Help

Unidades de Apoio

Clique nos links abaixo para visualizar as divisões das Unidades de Apoio:

Laboratório de Patologia Clínica

:: Coordenador:
Cândida Emília P. Lima

Contato:
candida.lima@hmmg.sp.gov.br

Fones:

(19) 3772-5755 (fax, resultado e recepção de exames)

(19) 3772-5756 (administração)

(19) 3772-5870 (microbiologia)

Especialidade: Patologia Clínica/Medicina Laboratorial Informações:

:: Criação do serviço juntamente com o hospital em 1974.

:: Grande modernização ao final do século XX, notadamente a partir de 1999/2000.

Missão: Propiciar as modernas ferramentas da medicina laboratorial aos usuários internos (médicos assistentes) e externos (pacientes) no que diz respeito aos Erro! A referência de hyperlink não é válida.

Unidades atendidas: Enfermarias, UTI Adulto e Pediátrica, Centro Cirúrgico, Pronto Socorro Adulto e Pediátrico do HMMG; Ambulatório de Especialidades, SAD HMMG (serviço de atendimento domiciliar do HMMG) e CACON.

Atuação como unidade de apoio externo: ao LMC.

Exames de apoio externo ao LMC: hemostasia e microbiologia clínica.

Procedimentos realizados internamente: medicina laboratorial de urgência e emergência; com exceção de toxicologia clínica.

Não realizamos exames de rotina para pacientes externos como: dosagens de colesterol, teste de gravidez, hormônios, sorologias. Caso necessite destes testes PROCURE seu MÉDICO no CS de sua região. Para os pacientes das unidades atendidas, estes testes são enviados para as unidades de apoio externo com as quais mantemos acordo : LMC e LAC HMCP.

Volume médio de exames realizado em 1997: 18.000 exames/mês.

Volume realizado hoje: média de 40.000 exames/mês (março a maio de 2004).

Links de interesse:

SBPC: www.sbpc.org.br (Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial)

CRM: www.cremesp.org.br (Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo)

CFM: www.cfm.org.br (Conselho Federal de Medicina)

SBAC: www.sbac.org.br (Sociedade Brasileira de Análises Clínicas)

NCCLS: www.nccls.org (National Comittee for Clinical Laboratory Standartization)

CAP: www.acp.org (American College of Pathologists)

AACC www.aacc.org (American Association Of Clinical Chemistry)

Área de Nutrição e Dietética

:: Coordenadora: 
Regina Augusta Parra Garcia

:: Gerente:
Gerente: Magda Cristina V. Costa

Contato:
nutricao@hmmg.sp.gov.br

Missão: Contribuir na recuperação/manutenção da saúde dos pacientes e na satisfação dos servidores, com alimentação saudável e adequada.

Objetivo:

A Área de Nutrição e Dietética (A.N.D.) é uma área de apoio, porém, com componente assistencial importante. A ela compete:

::Preparar e distribuir a alimentação destinada aos pacientes, acompanhantes e funcionários, de acordo com fundamentos administrativos e técnico-científicos;

::Prestar assistência nutricional aos pacientes, bem como orientar familiares quanto aos cuidados referentes à alimentação;

::Integrar equipe multidisciplinar, com participação plena na atenção ao paciente e contribuir com subsídios técnicos referentes à área;

::Promover e incentivar a capacitação interna e promover a educação nutricional.

Profissionais: A equipe da Nutrição possui 78 (setenta e oito) funcionários distribuídos nas diversas áreas e turnos.

Área Clínica:

Próxima ao paciente, tem por objetivo o cuidado nutricional do paciente: conduta para adequação da dieta ao estado clínico, acompanhamento e garantia da aceitação da refeição durante a internação, orientação dietética aos pacientes e acompanhantes (responsável pelo paciente), para a continuação do tratamento fora do hospital.

Esta unidade da A.N.D. desenvolve as atividades de assistência nutricional e a distribuição das refeições aos pacientes. Compreende as cinco copas, uma em cada andar e outra o no PSI.Conta com os seguintes profissionais: nutricionistas, copeiras, ajudante de cozinha e serventes.

Produção: Média de 1.300 refeições por dia

Chamamos de produção as atividades desenvolvidas na cozinha, que resultam em alguns dos produtos da unidade como as refeições, lanches e cafés. É a maior unidade, pois tem interface com toda a comunidade hospitalar uma vez que todos os pacientes, acompanhantes e funcionários são nossos clientes.

Na produção acontecem as etapas do preparo dos alimentos: planejamento, abastecimento, recebimento de matérias primas, pré-preparo, preparo, distribuição, higienização, até a supervisão do processo, adequação às normas sanitárias, controle de refeições e avaliação. Conta com os seguintes profissionais: cozinheiros, ajudantes de cozinheiros, serventes, encarregadas e nutricionista.

Lactário: Média de 150 mamadeiras/dia e 25 pacientes em terapia nutricional enteral.

É uma unidade de produção, dentro da A.N.D., onde são produzidas as mamadeiras e dietas enterais. Tem grande interface com a Área Clínica e compreende as atividades de planejamento, padronização de produtos, abastecimento, adequação às portarias e regulamentos técnicos, produção, distribuição, supervisão do processo e capacitação periódica.

Envolve os seguintes profissionais: Nutricionista, copeiras hospitalares, cozinheiros e serventes que atuam na unidade.

Almoxarifado:

É um subsidiário das unidades de produção (cozinha e lactário), pois responde pelo abastecimento das mesmas e estocagem dos produtos. Envolve atividades de planejamento, previsão de compras, pedidos, recebimento, estocagem adequada, dispensação dos produtos, trâmite de notas e processos, controle de saldos e emissão de relatórios. Conta com auxiliar de almoxarife, ajudante de cozinha, cozinheira em reabilitação.

Refeições para Funcionários, Acompanhantes e Escolta:

:: Café da manhã: 7:00 as 8:00

:: Almoço : 11:30 as 13:30

:: Café da tarde: 14:30 as 15:00

:: Jantar: 18:30 as 21:00

:: Lanche Noturno: 23:30 as 00:30

Refeições para pacientes

:: Café da manhã : 8:00

:: Almoço: 11:30

:: Lanche da tarde : 14:00

:: Jantar : 17:00

Horário de Atendimento 24 horas

Administrativo: 8:00 hs às 17:00 hs

Lavanderia

:: Coordenador: 
Silmara A. Romanatto

 

Objeto de trabalho da unidade:

1°) Entrega de roupas nas unidades de internação, ambulatório, ultra-sonografia, endoscopia e raios-X, pronto-socorro e centro cirúrgico.

2º) Área suja:

:: Roupa recolhida nas unidades.

:: Roupa separada por sujidade.

:: Roupa lavada.

3º) Área limpa:

:: Retirada de roupa das máquinas de lavar para colocar na centrífuga.

:: Retirada de roupa da centrifuga para secadora.

:: Retirada de roupa da secadora para dobrar ou passar na calandra.

:: Dobrar roupa para centro cirúrgico.

:: Confecção de kits.

:: Montagem de carrinhos.

:: Distribuição nas unidades.

4º) Objetivos:

:: Manter a disposição do paciente roupa em quantidade suficiente, limpa, com boa coloração, sem manchas e que lhe proporcione conforto.

:: Reduzir riscos ocupacionais no processo de trabalho.

Quadro de pessoal:

:: 29 Agentes de Higiene Hospitalar

:: 8 Ajudantes de Serviços Gerais

:: 1 Ajudantes de Cozinha

:: 6 Costureiras

 Quadro de profissionais trabalhando por período
Categoria Profissional 12 X 36 ( 8 ) rs diárias ( 6 ) rs diárias Média Fim de Semana
14 20 16 2 12

Higiene e Limpeza

Objetivos e as metas das unidades.

:: Promover segurança e conforto aos pacientes e funcionários.

:: Desenvolver e aprimorar técnicas corretas de higiene.

:: Colaborar com a C.C.I.H, utilizando produtos normatizados de forma correta, levantando e colocando problemas, apresentando sugestões.

:: Manter relação próxima com todas as áreas.

Produtos e atividades que a unidade oferta:

:: Atividades de limpeza diária em todas as áreas do hospital.

:: Piso, parede, vasos sanitários e pias; água, detergente, sapólio, hipoclorito 1%.

:: Fórmicas e metais; água, detergente e álcool 70%.

:: Portas; água, detergente e hipoclorito 1%.

:: Janelas madeiras; água, detergente e hipoclorito 1%.

:: Janelas metais; água, detergente e álcool 70%.

Quadro de Pessoal:

:: 72 Agentes de higiene hospitalar

:: 14 Ajudante de serviços gerais

:: 1 Assistente Administrativo

:: 5 Serventes

:: Coletor de lixo 1

:: Total Geral: 93

 Quadro de profissionais trabalhando por período
Categoria Profissional 12 X 36 Diurno 6 horas Diurno 8 horas Diurno 7,12 horas Diurno 12 X 36 Noturno
93 16 16 26 22 13
 

Central de Materiais e Esterilização

 

Gerente:  Márcia Regina Suzuki de Lima
Funcionários: 25 Enfermagem, 3 higiene, 2 Orteses e Próteses.
 
Objetivo e Metas
A CME é uma unidade essencial de apoio técnico que tem como finalidade, o
fornecimento de artigos estéreis adequadamente processados, proporcionando assim
condições para o atendimento e assistência á saúde dos indivíduos enfermos e sadios.
 
Área Física
A CME conta com 6 áreas distintas, sendo elas: Expurgo, secagem de materiais, preparo
para ETO(oxido de etileno) e peróxido de hidrogênio, Sala de preparo, Esterilização,
Armazenamento, Orteses e Próteses e Gerencia.
 
Expurgo
È realizada uma limpeza manual (por meio de fricção com escovas e do uso de soluções
de limpeza, como detergente enzimático, antioxidante) ou mecânica (ultrassonica e
termodesinfetora). Também é feita a desinfecção de alto nível com o hipoclorito a 0,1%.
O material é secado na secadora e mandado para a sala de preparo.
 
Sala de preparo
O material é embalado com, Papel grau Cirúrgico Ou SMS (Manta) e também aonde
são montados os kits do centro cirúrgico. Após a embalagem eles são colocados na
autoclave para esterilização, e mandados para o arsenal.
Esterilização
É realizado indicadores químicos e biológicos para certificar o processo de esterilização
conforme RDC nº15.
 
Arsenal
No arsenal é feito o armazenamento e a distribuição do material para os setores
correspondentes e centro cirúrgico.
 
Ortese e Prótese
É responsável pelos processos licitatórios, encaminhamento de nota fiscal para
pagamento, elaboração de planilhas, atendimento de representantes, controle de
materiais, realiza a interface entre o hospital e as empresas.
 
Produção
A CME tem uma média de produção de 14.000 artigos processados por mês. Ela realiza
a desinfecção e esterilização dos materias de todos os setores do hospital.
 
 

Núcleo de Epidemiologia Hospitalar

:: Gerente: 
Ricardo Alves Cocolisce 

Contato:
neh@hmmg.sp.gov.br

"Área responsável pela detecção e monitoramento de agravos epidemiologicamente significativos, das doenças de notificação compulsória, infecções hospitalares e outros agravos, atuando tanto na prevenção como nas ações de caráter curativo"
Essa área é composta por dois serviços - serviço de controle de infecção hospitalar e serviço de vigilância epidemiológica. Atualmente a equipe é formada por três médicos infectologistas, três enfermeiras, uma auxiliar de enfermagem e uma auxiliar administrativa. Esse setor também mantém um controle para liberação de antimicrobianos que segue os protocolos da unidade.
Esse setor abriga o Projeto Hospital Sentinela da ANVISA.